sexta-feira, 11 de maio de 2012

CALEIDOSCÓPIO - José Antonio Assunção


Mais que ave, desfile
de vária fantasia,
noite de gala.


Dama elegante
em gesto langue
abrindo seu leque
caleidoscópico.


Narciso ou eco
espelhando um sonho
plumipomposo?


_______________________________

Título: Caleidoscópio
Autor: José Antonio Assunção

Poema retirado do livro A trapaça da rosa (Manufatura, 1998)


Um comentário:

  1. Olá, prezado Wesley!
    Obrigado pela postagem de meus poemas em teu Blog. Os três textos escolhidos já performam o que seja meu exercício estético e, de certo modo, existencial.
    Abraço, jaasunção.

    ResponderExcluir